Nova Venécia recebe Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher

A segurança pública de Nova Venécia recebeu um importante reforço nesta semana.

Na última segunda-feira, a delegada Gabriella Zaché dos Santos, iniciou sua jornada no município assumindo a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM).

A princípio, a delegada trabalhará de acordo com o expediente da delegacia, ou seja, de segunda à sexta, das 8h às 18h. Além disso, em breve, ela deverá contar, também, com um escrivão para auxiliá-la.

Para Gabriella, esse será um grande desafio na carreira. “Estou vindo com todo o gás para combater essa violência doméstica. Já tenho uma experiência anterior, quando fui escrivã na Delegacia da Mulher, em Colatina. Já trabalho há algum tempo com esse tema e vou procurar, da melhor forma, atender a população e as mulheres para resolvermos isso e, quem sabe, coibir os homens de praticar essa violência”.

A nova delegada tratou, também, de tranquilizar as mulheres sobre as denúncias, informando que elas podem ser feitas sem identificação pelo disque denúncia. “A delegacia está de portas abertas para registrarmos ocorrências e dar andamento às coisas. Caso a mulher não queira se identificar ou tenha medo de vir à delegacia, existe o Disque 181, em que ela, também, pode estar fazendo essa denúncia. Nós iremos apurar da mesma forma e assim, não ficará demonstrado que foi ela quem veio aqui, porque às vezes as mulheres ficam com medo. O vizinho que sabe que esses casos estejam acontecendo, também, podem fazer essa denúncia anônima que vamos apurar o caso e não vamos citar o nome de ninguém”.

Gabriella também responderá pela Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente e Idoso.

Histórico

Formada em Direito, pela Unesc, de Colatina, Gabriella Zaché dos Santos tem 29 anos e também é pós-graduada em Penal, Processo Penal, Administrativo e Constitucional.
Ela já foi policial no Espírito Santo, escrivã na Delegacia da Mulher, em Colatina, e foi delegada adjunta do coordenador da Região Oeste, na cidade de Barreiras, na Bahia, por cerca de 1 ano e meio.
Gabriella foi empossada no cargo de delegada no Espírito Santo no último mês de janeiro.

Delegado comemora

Quem comemorou a chegada da nova integrante para a equipe foi o delegado Líbero Penello de Carvalho Filho. Ele destacou que as ocorrências mais sigilosas e perigosas poderão ser feitas em uma sala separada e não mais, na recepção na delegacia. “A intenção é que se dê uma atenção maior à questão de feminicídios, lesões corporais, Lei Maria da Penha, entre outros. Em princípio, crimes envolvendo a mulher e, talvez, em conjunto com a Crimes Contra a Vida, se tratando de feminicídio”.

Apesar de novidade, o delegado ressaltou que a DEAM já existiu em Nova Venécia. “Quem atendia aqui, antigamente, era uma servidora municipal, que recebia as mulheres, conversava e encaminhava. Posteriormente, esses servidores foram tendo outras destinações e nós ficamos sem. Passamos a acumular os serviços do DEAM com o Cartório Central da delegacia. Agora, com a chegada de uma delegada específica para o caso, e até mesmo, de um escrivão, eu acredito que o serviço será mais bem prestado, mais sério e mais rápido”.

De acordo com Líbero, o departamento vem para suprir uma carência do município. “Ele vem atender uma demanda que já existia e que foi objeto recente de uma Audiência Pública na Câmara de Vereadores em que nós participamos, onde houve, especificamente, pedido para uma DEAM, em Nova Venécia, e esse pedido foi ouvido e está sendo atendido”.
O delegado acredita que a chegada da nova delegada possa refletir em casos de violência doméstica. “Eu acredito que, a princípio, isso possa refletir em uma melhor apuração e solução de casos. A diminuição, ou não, já é um fator que eu não posso tratar neste momento”.

Sobre melhorias na estrutura física da delegacia, Líbero disse que a vez da Regional de Nova Venécia está chegando. “A melhor da estrutura física da delegacia é algo que também está nos planos da polícia. Eu sei que há projetos neste sentido e que estão sendo feitos aos poucos, mas, cada vez mais, está se aproximando a vez de Nova Venécia”.

» Os delegados Líbero Penello de Carvalho Filho e Gabriella Zaché dos Santos prometem formar uma grande dupla no combate à violência doméstica

Município também receberá Delegacia de Crimes Contra a Vida

De acordo com o delegado Líbero, ainda esta semana, Nova Venécia receberá um outro delegado para auxiliar, ainda mais, os serviços na delegacia. “Ele vai cuidar do Crimes Contra a Vida e será adjunto na ausência do regional. Muitas vezes, preciso ir em reuniões e ele, também responderá. Isso não exime a Gabriella de responder na minha ausência, o que, fatalmente, vai acontecer. Estão vindo dois adjuntos para mim. Eles serão polivalentes, também. Vão responder, vão atuar em várias frentes e vão atuar naquilo que for possível, porque é isso que Nova Venécia está precisando”.

Segundo ele, isso só reforça a segurança no município. “A Polícia Militar, por exemplo, faz a segurança nas ruas, mas a nossa atividade, na solução e no fechamento dos inquéritos, também contribui para que o Promotor denuncie e para que que a justiça condene e a pessoa fique fora do circuito por um bom tempo”.

Fonte: rede noticia

Compartilhar